Twitter

CUT MS > LISTAR NOTÍCIAS > AGÊNCIA DE NOTÍCIAS > EDUCADORES DE DOURADOS VÊEM RETROCESSO NA PROPOSTA DO GOVERNO PARA O ESTATUTO DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO DE MS

Educadores de Dourados vêem retrocesso na proposta do Governo para o Estatuto dos Trabalhadores em Educação de MS

29/11/2011

Simted de Dourados definiu como retrocesso a proposta de reformulação da Lei Complementar nº 0087/2000, que trata do Estatuto dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul

Escrito por:

 

O Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação – Simted de Dourados definiu como retrocesso a proposta de reformulação da Lei Complementar nº 0087/2000, que trata do Estatuto dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul e que foi sugerida pelo Governo do Estado. A referida proposta foi encaminhada aos educadores pela Federação dos Trabalhadores em Educação do Mato Grosso do Sul – Fetems.

O Simted entende que muitos pontos apresentados não contemplam os administrativos, no que poderia servir como vantagem aos mesmos, melhorando a carreira e projetando avanços para qualidade de vida dos educadores e para a melhoria da educação no Estado.

“Entendemos que além de não contemplar os administrativos, o projeto mostra a visão que tem o Governo do Estado sobre o funcionalismo público, já que em determinado artigo ele deixa evidente a intenção de demitir servidores efetivos. Esse projeto do Governo nos faz lembrar o sepultado Ato Intitucional número 5 (AI-5) da época da ditadura militar dos anos 60 e 70 do século passado. Além de ser retrocesso, mostra claramente o jeito de governar do atual Governador do Estado” explica o presidente do Simted, José Carlos Brumatti.

Em Dourados o projeto foi debatido ponto por ponto entre os servidores do Estado em um debate conduzido por Brumatti e pelo atual vice-presidente e presidente eleito, João Vanderley de Azevedo, que assumirá o cargo em fevereiro do ano que vem.

João destacou a participação dos trabalhadores e trabalhadoras. “Foi muito boa a participação dos educadores e foi um debate muito proveitoso. Levamos nosso posicionamento à Fetems e lá, felizmente, a categoria rejeitou por unanimidade esse projeto nefasto do Governo”. explicou João.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
RÁDIO CUT
INSTITUCIONAL
SECRETARIAS
ESTRUTURA

CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES DO MATO GROSSO DO SUL
Travessa Coronel Edgarde Gomes, 49 | São Tomé | CEP 79002-339 | Campo Grande | MS
Fone: (55 67) 3325.9406 / 3325.8378 | www.cut-ms.org.br | e-mail: cutms.ms@hotmail.com