Twitter

CUT MS > ARTIGOS > 1º DE MAIO – UM DIA PARA REFLEXÃO

1º de Maio – Um dia para reflexão

Escrito po: Elvio Marcos Vargas Preisdente do Sinergia-MS

30/04/2011

A comemoração do dia 1º de maio foi criada em 1889 em homenagem à greve geral que aconteceu em 1886 em Chicago

A comemoração do dia 1º de maio foi criada em 1889 em homenagem à greve geral que aconteceu em 1886 em Chicago. Milhares de trabalhadores foram às ruas para protestar contra as condições de trabalho desumanas na qual eram submetidos e exigir a redução da jornada de trabalho de 13 para 8 horas diárias. Naquele dia, manifestações, passeatas, piquetes e discursos movimentaram a cidade, mas a repressão ao movimento foi dura. Houve prisões, feridos e mortos nos confrontos entre os operários e a polícia.

Em memória destes trabalhadores, de suas reivindicações e por tudo o que esse dia significou na luta pelos seus direitos, o dia 1º de maio foi instituído como o Dia Mundial do Trabalho.

No Brasil essa data deve ser comemorada não somente com festas, mas com muita reflexão. Temos algumas pautas desafiadoras no Congresso em Brasília que são de interesse geral, entre elas está a aprovação de um projeto de lei que pode reduzir a jornada de trabalho para 40 horas semanais sem que haja redução de salários.

O Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese) estima que aproximadamente 2,5 milhões de novos postos de trabalho poderão ser criados caso esse projeto seja aprovado. Além dele, há também um projeto que regulamenta a terceirização de atividades. Essa conquista significaria um passo importante rumo à luta permanente dos trabalhadores pelo Trabalho Decente.

Para a Organização Internacional do Trabalho (OIT) o conceito de Trabalho Decente visa traduzir o objetivo de garantia a todas as pessoas oportunidade de emprego produtivo, em condições de liberdade, equidade, segurança e dignidade.

Acompanhamos recentemente várias manifestações pelo país, inclusive em Mato Grosso do Sul, nos canteiros de obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) ficou evidente que as condições vividas pelos trabalhadores não eram condizentes com o conceito de Trabalho Decente defendido pela OIT.

A conquista por melhores condições no ambiente de trabalho é equivalente ao nível de envolvimento de cada ator nessa causa. Luta, união e organização, principalmente através dos sindicatos, federações e centrais sindicais, trouxeram muitos motivos para comemorarmos, mas ainda precisamos fazer muito mais.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
RÁDIO CUT
INSTITUCIONAL
SECRETARIAS
ESTRUTURA

CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES DO MATO GROSSO DO SUL
Travessa Coronel Edgarde Gomes, 49 | São Tomé | CEP 79002-339 | Campo Grande | MS
Fone: (55 67) 3325.9406 / 3325.8378 | www.cut-ms.org.br | e-mail: [email protected]